segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Estranho é pouco...


Primeira postagem de agoshhhto! Estou ficando bem quietinha na cama, faltam 10 dias para minhas férias irem pro beleléu. Junto com elas, a possibilidade de deitar na hora que bem entender, desncansar quando precisar, comer quando tiver vontade. Falar em comer, a coisa tá um caso sério. Ai, mas que nojo de comida! E nem adianta me oferecer filé mignon, ou pizza, bacalhau ou qualquer coisa que em outras épocas seriam banquete para mim. É nojo de verdade. Por mim, comeria sorvete, milk shake, abacaxi, frutas cítricas e salada, pão de queijo, bolo e capuccino. Carne, não. Arroz, feijão, não. Macarrão, peixe, não. Nada. Fiz tomate seco, e foi à toa. Será doado. Não quero nem pensar em folheado de palmito, em tortas, em gorgonzola, nada. Estou me virando como posso, tentando a todo custo manter minha alimentação "o mais balanceada possível", não por mim, mas pelo Miguelzinho, tadinho. O que me deixa mais tranquila é que venho tomando vitamina para gestante diariamente, então isso tecnicamente me ajuda a suprir carências, mas nada substitui o bom e velho prato de comida.
E o que eu faço? Ah, não tenho feito milagres. Antes eu nem tomava leite comum (só de soja - a fresca). Agora, tenho tomado diariamente 850 ml de leite com capuccino caseiro (eu mesma faço o pozinho, que também contém leite em pó). Fico até de bigode marrom, de tanto que bebo. Tenho feito 2 bolos de fubá por semana, ontem fiz de banana. E é engraçado, porque antes de engravidar, eu cozinhava muito bem comidas salgadas, e bolos não eram o meu forte. Agora é o contrário. Não sei se pelo nojo, a verdade é que minha comida, desculpem o termo, está saindo uma merda. Sexta à noite, preocupada com a inanição, tentei fazer uma sopinha trivial. Aquilo saiu pior que lavagem. Tenebrosa. O vaso sanitário, diga-se de passagem, adorou, porque foi lá que despejei a panelada. E incrivelmente, o que tenho feito de bom? BOLO. Um mais fofo que o outro, parecem nuvens com sabores diferentes e adocicados. Vai entender. Coisa de grávida.
Coisas de grávida? Mais uma. Não, mais duas coisas que estão me acontecendo:
- Uma é o inchaço nos pés. Não demorou muito e cá estou eu, com os pezinhos inchados ao final do dia. Não é sempre. Sábado foi a primeira vez. Acho que porque fiquei muito tempo andando pra lá e pra cá, sem descanso. MEus pés ficaram inchados, vermelhos e bem doloridos. Pra resolver, enfiei um edredon entre o colchão e o estrado da cama, elevando o colchão onde ficam os pés. Deitar com as pernas elevadas é um santo remédio, pra quem não sabe.
- E hoje, levantei com um pedaço da minha gengiva inchado. O pior é que o inchaço está bem na frente, então nada de sorrir, que fica bem feio. E dói bastante também. Mas vai passar. Se você tiver, nada de ficar bafuda sem escovar os dentes. Basta usar uma escova macia e nunca deixar de higienizar o local, a sujeira só piora.
E claro, claro... ainda estou trocando um bom pedaço da noite pelo dia. Não estou tendo aquela insônia ferrenha da semana passada, mas esto ficando agitada durante a noite, dormindo tarde e tendo muito sono durante o dia.
Só pra concluir, tem mulher que pega nojo do marido, acha que eles cheiram a peixe podre, ou que são as piores e mais feias pessoas do mundo. Comigo foi o contrário. Não acho que ele cheire a rosas e nem que tenha ficado um príncipe da noite pro dia, mas eu estou muito mais apegada, carente pra valer. Tem hora que abraço forte e quero meio que entrar no peito dele. Pena que ele não curte muito essa minha paixonite aguda. Ninguém me ama...

2 comentários:

Natália disse...

Menina, me identifiquei muito com seu post! agora tô de 31 semanas mas um tempo atrás tenho posts parecidíssimos com o seu rs! ñ sei de qts semanas está mas se for consolo, meus enjôos começaram com 8 semanas e sumiram com 14! sentia esse cheiro de peixe podre em tudo, aff! Mas uma coisa que li no seu relato e queria comentar é com relação ao capuccino, os médicos recomendam 2 cafés/dia no máximo pq ñ é muito seguro, achei legal falar pq vai que vc não sabe disso e tal...trocar informações é sempre bom!
Precisando de algo é só falar!
Melhoras pra vc...isso logo passa...bjão fica com Deus

Adriana Band disse...

Natália, bom mesmo saber que pessoas se identificam, eu estou de 20 semanas e 4 dias. Então, eu não sinto cheiro de peixe no meu marido não. Pelo contrário, estou mais apegada, comentei apenas que algumas mulheres passam a odiar seus maridos e sentem neles cheiros horrendos.
Eu não tinha enjôos no início, posso dizer que eles começaram na hora em que tinham que ter ido embora, rsrsrs. Sobre o capuccino, eu faço em casa o preparado. E ele leva muito pouco café, dissolvido num mar de leite ninho e chocolate. Então, não há risco algum. Aliás, vivo amolando meu médico com esses questionamentos sobre permissões de alimentos, além de muito pesquisar na internet. Tem muito GO que proíbe chá mate, e o meu liberou. Tem médico proibindo refrigerante, o meu liberou. Ele só pede uma coisa: bom senso!
É isso aí, continue espiando meu blog que eu adoro!!!!
bjs