segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Trilhando caminhos

Num passado recente, ele precisava de meu corpo para se nutrir. Nadando no líquido amniótico, chutando minhas entranhas.
Depois, do lado de fora, continuou precisando de mim para se alimentar, locomover, se higienizar. Eu era seu centro, seu rumo, seu porto segura. Meu peito o saciava e minhas mãos guiavam-no a cada instante.

Agora, tão independente e já traçando seus próprios caminhos. Raramente precisa das minhas mãos. Dispensa solenemente a ajuda que ainda insisto em dar, como se fosse um adolescente, se achando auto-suficiente.

É a vida, meu menino cresce, separa-se de mim a cada dia.
Vai, meu filho! Voa minha cotovia! O mundo é todo seu!

Aos poucos, Miguel trilha seus próprios caminhos

4 comentários:

Cláudia Leite disse...

Olha lá ele indo, indo, indo...
Deixando mamãe pra trás, buscado agarrar o mundo!

Boa semana pra vcs, bjo!

Futura mãmã disse...

Esta' a descoberta... beijo

"Maria Heloisa" disse...

Lindo texto e linda foto!
bjs ♥

Andrea Fregnani disse...

Miguel Lindo, ficando independente, dá um frio na barriga, mas precisamos ir acabando de cortar o "nosso" cordão umbilical, né, é mais difícil pra gente, mas tb é tão bom ver eles se desenvolvendo bem,
bjs